Brasileiro é o povo mais roubado do mundo

Enquanto nosso querido Superior Tribunal Federal se ocupa de decisões de extrema importância para o país, como se um bandido italiano pode ficar solto aqui ou então se um bando de maconheiro pode atrapalhar a vida dos outros com uma passeata, nós somos os idiotas mais roubados do mundo.

Entre os 30 países com as maiores cargas tributárias, o Brasil é o que proporciona o pior retorno dos valores arrecadados em bem-estar para seus cidadãos

Traduzindo: O governo brasileiro é dos que mais toma nosso dinheiro, e o que devolve menos. Ou seja, toma muito, devolve pouco, e some com a diferença.

Repare nos 10 países no topo dessa lista. Todos países assumidamente capitalistas, onde contratos são respeitados e a educação é item primordial. Países onde não há bolsa-família, muito menos direitos trabalhistas irreais e punitivos.

Mas aí vem a pergunta: afinal, se o governo brasileiro arrecada mais e devolve menos, para onde vai essa diferença? Bom, eu não vou afirmar nada, mas segue uma imagem para refrescar a memória do leitor…

Continue tenho orgulho de brasileiro, porque eu estou com vergonha…

Anúncios

Evo Morales prova que brasileiro é otário

Você, brasileiro, é um otário.

Nosso amado vizinho Evo Morales provou isso.

Evo Morales promulga lei que legaliza veículos contrabandeados na Bolívia.

É, é isso mesmo.

Você, começa sendo um otário quando anda espremido em um ônibus. Mas, otário do jeito que é, decide trabalhar em vez de receber o bolsa-família e ser sustentado pelos outros otários.  Então você decide comprar um carro e paga o preço mais caro do mundo, dando metade do seu dinheiro para o governo no valor do carro e no da gasolina (clique aqui e confira).

Não bastando ser tão otário e sustentar com a sua gasolina um governo que tem vergonha de ser brasileiro como você (clique aqui), você agora é roubado, porque sua rua não tem polícia, já que a favela aí do seu lado não gosta de polícia (clique aqui também).

Caso você seja um otário com sorte, vão pegar o bandido, e você será otário suficiente para sustentar ele e a família dele (duvida? clique aqui!). E agora, se não bastasse isso, vai pagar seguro mais caro (é sério! clique aqui) porque nosso querido e amado vizinho vai legalizar seu carro lá na terra dos cocaleiros.

Você, para provar que é otário mesmo, pode até gastar mais dinheiro indo pra Bolívia e procurar seu carro caso tenha um rastreador. E vai encontra-lo! E não vai poder fazer nada porque lá o dono “legal” do seu carro é o bandido!

Enquanto isso, o país pára somente para assistir ao STF julgar que a Marcha da Maconha é liberdade de expressão. Bem, vejamos quem está nessa marcha… hum… algum empresário? Tem alguém importante nessa marcha? Hum… deixe me ver, um aluno desempregado com dreads no cabelo, outro com 40 anos sustentado pela mãe… bom, gente importatíssima para o país. Gente que faz passeata! Gente que ainda vai mandar mais dinheiro para a Bolívia, sustentar o tráfico nas favelas e ser contra a polícia, assim como foi na USP (aqui).

Eu sou um otário mesmo…

E os maconheiros da USP venceram…

http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia/2011/05/31/usp-tera-pelotao-universitario-com-policiais-alunos.jhtm

É isso mesmo. Os nóias da USP agora terão tratamento diferenciado. Não serão presos oprimidos pela polícia por usarem substâncias ilícitas. A USP é declaradamente área para uso livre de drogas.

Quer dizer, a polícia que está na rua então é despreparada, boa mesmo é a polícia de alunos da USP que é “melhor preparada”? Que lindo né!

Isso não é exclusividade da Cidade Drogada Universitária não, a USP Leste também está na mesma pegada! O barato tá louco! E na USP vai continuar, agora com anuência da PM.

Avisem os nóias da cracolândia que na USP tá liberado!